Diário de um cavaleiro templário…

 

O livro “Diário de um cavaleiro templário”, de Orlando Paes Filho, narra a vida do jovem Robert de la Croix. “Quando minha mãe retornou à casa, passado o choque e as vãs tentativas de tirar as manchas de sangue do chão, dirigiu-se à paroquia. O sangue pode até não ser mais visível no assoalho, mas suas manchas jamais sairão de meu coração, ou dos de minhas irmãs”.

Este trecho do livro descreve a sensação de Robert após uma briga em sua casa. Ele sofria ao ver o quanto seu pai tratava mal as suas irmãs e sua mãe. Presenciou várias vezes o momento em que seus primos abusavam sexualmente de suas irmãs. É neste ambiente que vai se formar um futuro cavaleiro.

Robert salva as mulheres de sua família da destruição e decide ser cavaleiro. Para alcançar seu objetivo foi preciso se preparar bastante e ter o apoio do padre Jean-Pierre. Como não tinha idéia do que era realmente ser cavaleiro, foi estudando e conversando que começou a mudar seu pensamento. Entendeu que ser cavaleiro é mais do que armadura e espada. Orlando Paes apresenta os conflitos do jovem cavaleiro Robert no deserto,na guerra ou em suas orações.

Anúncios

Um comentário

Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s