Resenha 007 contra Spectre

O loirinho manda bem viu! Os efeitos e a loucura das primeiras cenas são de tirar o ar!

Além do saltar-prédios-viajar-em-segundos-para-o-outro-lado-do-mundo-e beijar-desconhecidas-pseudopoderosas, Bond (Daniel Craig) continua salvando (algumas vidas) e seu próprio filme. Depois de alguns minutos eu cansei, mas ainda sim continuei assistindo só pela sequência de cenas na belíssima Roma.

Captura de Tela 2015-11-12 às 11.38.40 PM

“007 contra spectre”  é bem previsível, sabe? O cara ganha um vale de férias forçadas e, ainda sim consegue apoio dentro da organização para continuar atuando na surdina. Enquanto isso ele viaja de Roma para a Áustria em minutos. Utiliza um carro poderoso “da firma”para disputar rally nas ruas de Roma. Conhece belas mulheres e com seu “charme” faz questionamentos enigmáticos…

Agora acho que a grande missão do Bond é salvar essa sequência de filmes. Vou continuar assistindo porque Daniel Craig é Daniel Craig, mas confesso que dormi um pouco nos últimos minutos do filme 😉

Trilha do filme no Spotify

Anúncios

Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s